Interfone Virtual: quais são as vantagens da instalação?
Gestão de Empresas

Interfone Virtual: quais são as vantagens da instalação?

Escrito por Leucotron

Pouco a pouco, com os avanços tecnológicos nas telecomunicações, mesmo as soluções mais tradicionais vão dando lugar a dispositivos mais contemporâneos. É o caso dos interfones, que aparecem com sistemas muito mais inteligentes e seguros do que os aparelhos convencionais. O aparelho de interfone virtual, como é conhecido pelas construtoras e administradoras de condomínio, está se consolidando no mercado, oferecendo uma grande evolução ao seu modelo convencional.

Dispensando fios para conectar a comunicação dos apartamentos com o da portaria, o aparelho integra os celulares e tablets dos moradores, direcionando as chamadas na entrada do condomínio. Trazendo um outro parâmetro de fidelidade de informações, históricos de visitas e, até mesmo, da rotina da família, o interfone virtual é um diferencial e tanto para os prédios.

Com o interfone virtual, é possível atender a demandas de qualquer lugar da casa ou, inclusive, fora dela, pelo celular. E além da praticidade, essa tecnologia é mais segura e econômica. Neste artigo, vamos conhecer como funciona e quais são as vantagens do interfone virtual. Confira!

Como funciona o interfone virtual?

Com o interfone virtual, a portaria é equipada com um terminal que conta com os números de telefone celular e as fotos para identificar os condôminos. A medida possibilita que os porteiros consigam facilmente localizar cada morador e entrar em contato imediatamente, diminuindo o tempo de espera e melhorando o reconhecimento de cada residente.

Para funcionar, o sistema conta com um cadastro dos moradores, que passarão a ser acessados não mais pelo interfone, mas pelos seus telefones pessoais. O aparelho do interfone virtual traz chips das quatro principais operadoras de telefone, possibilitando que as ligações realizadas sejam com custos reduzidos ou gratuitas, o que também reduz gastos com chamadas.

Caso o morador precise entrar em contato com a portaria, basta que ele faça uma chamada para um dos chips do condomínio e o sistema retornará a ligação para ele na sequência, por meio de um processo automatizado.

Por que o interfone virtual é mais barato?

Embora gestores possam pensar de modo diferente, o equipamento para o interfone virtual é bem simples e muito mais barato do que o sistema convencional. Para começar, o pré-requisito para a sua instalação é apenas uma tomada, algo presente na maior parte das portarias de condomínios.

O aparelho de interfone virtual dispensa fios, cabos e toda a manutenção que esse tipo de instalação envolve. Se for incluído no projeto de um condomínio desde o princípio, vai dispensar o lançamento de dutos para essa finalidade, agilizar e baratear a obra.

Também vale a pena destacar que, com o interfone virtual, não é necessário mais que cada apartamento invista nos dispositivos de interfone internos, já que os celulares serão utilizados para essa finalidade, reduzindo ainda mais os custos.

Como o interfone virtual pode ser mais seguro do que o normal?

Hoje em dia, não há porque não ter, em mãos, equipamentos que permitem controlar com precisão os dados de quem circula entre os espaços de nossa convivência. O aparelho de interfone virtual permite que esse controle seja feito, de modo objetivo e com os detalhes necessários.

Os sistemas de interfone virtual apresentam a possibilidade de que todas as chamadas realizadas nesse sistema sejam gravadas, de modo a coibir fraudes, tentativas de roubo ou mesmo que visitantes de outro apartamento confundam o número das residências. Junto às chamadas, são armazenadas todas informações relevantes para a segurança, como data, horário, protocolo, destinatários e duração.

Além disso, como o interfone virtual permite que as chamadas da portaria sejam atendidas em qualquer lugar, com elas, os porteiros podem acessar os moradores com facilidade o dia todo. A facilidade e a proximidade entre os porteiros e os moradores fazem com que a autorização e a negação de um acesso seja feita com mais cuidado.

Por que um interfone virtual é mais cômodo para os moradores?

O interfone virtual permite que os moradores atendam as suas visitas de qualquer lugar. Isso significa que não é preciso nem se levantar para dispensar uma visita indesejada ou correr para o aparelho quando estiver aguardando alguém com expectativa.

Além disso, o aparelho de interfone virtual faz com que seja possível, inclusive, que os moradores atendam pessoas quando não estiverem em casa. Quando o morador espera uma visita e ela chega antes da hora, por exemplo, pode autorizar a abertura da porta pra que ela espere com mais conforto.

O mesmo pode acontecer com prestadores de serviço: em vez de ter que esperar toda a tarde por uma entrega ou alguém que fará uma reforma no apartamento, o morador poderá sair para locais próximos e, se essa pessoa chegar, permitir que ela entre e, depois, voltar para casa para recebê-la.

Qual é a vantagem do interfone virtual para o síndico?

Com o interfone virtual, a comunicação entre os moradores e a portaria é muito facilitada. Isso faz com que seja mais fácil para o síndico entrar em contato com todos eles, caso seja necessário. Como é cada vez mais indicado que o síndico mantenha o contato próximo com os residentes, medidas que aproximem e facilitem o contato são muito bem-vindas.

E a manutenção desse tipo de equipamento é muito mais barata e simples, o que significa não só mais economia para o condomínio como também menos dores de cabeça para síndicos e zeladores, que frequentemente precisam solucionar problemas com esses aparelhos.

Por fim, o aumento na segurança e o controle de visitas e chamadas proporcionados pelo interfone virtual podem potencializar o trabalho do síndico nesse sentido, que ganha em termos de confiança e zelo pela integridade das pessoas que residem no condomínio.

Qual é a vantagem do interfone virtual para as construtoras?

Para as construtoras, o aparelho de interfone virtual é um grande diferencial a ser incluído em projetos de condomínios na fase de concepção ou até aqueles que já estejam em obras. Por ser uma alternativa bem mais tecnológica do que o que é usualmente oferecido, esse tipo de dispositivo pode chamar atenção de potenciais moradores tanto pela inovação quanto pela curiosidade.

E a instalação dele será incomparavelmente mais simples, barata e rápida do que a de um sistema de interfones normal. Para esse tipo de aparelho, não é preciso passar dutos exclusivos para fios de interfone que sofreriam de interferência se compartilhassem os mesmos fios que a eletricidade, por exemplo.

Na verdade, como o sistema é todo sem fio, não é preciso investir tempo e dinheiro com nenhum tipo de tubulação ou instalação especial, o que agiliza muito a obra e faz com que ela seja bem mais barata.

Por que o interfone virtual é melhor para os porteiros?

O terminal que controla o sistema de interfone virtual e que fica na portaria é extremamente intuitivo e prático. Com ele, os porteiros conseguem entrar em contato direto com todos os moradores de forma imediata e sem custos adicionais.

Se antes era preciso buscar o nome do morador em uma lista para saber qual é o seu apartamento e, só depois disso, contactá-los, com o interfone virtual, todos os nomes e as fotos estão disponíveis já no terminal. Não é preciso nem mesmo saber qual é o apartamento deles para realizar uma chamada.

Essa tecnologia facilita o trabalho dos porteiros e deixa os serviços da portaria mais prático, rápido e eficiente. Com o interfone virtual, a relação entre os moradores e os trabalhadores do condomínio fica facilitada. O tempo que uma visita passará esperando para que o porteiro encontre o apartamento do seu anfitrião e peça para ele a autorização de acesso será menor.

O que comporta o sistema completo do interfone virtual?

Além do aparelho propriamente dito, o interfone virtual reúne alguns outros dispositivos e algumas funcionalidades integradas, que tornam o serviço bastante completo para a demanda das administradoras prediais e para as expectativas dos moradores. Sendo, dessa forma, não apenas um controle de acesso, mas uma solução inteira de segurança.

A comunicação do interfone virtual se dá pelos aparelhos na portaria, smartphones e tablets dos moradores e monitores que podem ser ligados a esses outros equipamentos. As imagens são captadas por câmeras, que acompanham continuamente toda a movimentação.

Os monitores são, por sua vez, operados pelos profissionais de recepção e segurança dos prédios, que podem acionar os serviços externos quando for necessário. Antes de contratar um serviço de interfone virtual, avalie se a prestadora oferece também serviços agregados de vigilância como parcerias com empresas especializadas ou os órgãos públicos de segurança.

Quais são os serviços prestados por empresas de interfone virtual?

A portaria remota funciona com um gerenciamento à distância, em que profissionais ligados à segurança acompanham diariamente as imagens captadas das áreas externas e comuns dos prédios e blocos habitacionais. A vigilância em tempo real analisa todo o fluxo de moradores, assim como dos visitantes e dos prestadores de serviço que transitam pelo espaço.

A empresa é quem autoriza ou impede a abertura das entradas, com o aval do morador responsável. A corporação também fornece aos moradores controles remotos da garagem e controles especiais para pedestres.

É também de obrigação da empresa gravar e armazenar todas as imagens feitas pelas câmeras, registrando todos os arquivos e cobrindo integralmente a circulação durante 24 horas do dia. A empresa organiza a logística do backup e dos registros, que são, por sua vez, disponibilizados para a gestão do condomínio e para o morador da unidade referente.

Quais são os cuidados que o condomínio deve ter ao contratar um serviço de interfone virtual?

Em primeiro lugar, a instalação de um aparelho de interfone virtual depende da aprovação, por assembleia, de, ao menos, 50% dos moradores do prédio. Para isso, é preciso levar o tema em reunião, trazendo todas as informações sobre o sistema de portaria remota, assim como dados precisos da operadora de serviço.

Além das funcionalidades e dos equipamentos mostrados aos residentes, é preciso também passar as noções de treinamento para funcionários já contratados, mostrar como o interfone virtual pode modificar as logísticas internas do condomínio e especificar, com detalhes, todos os recursos gastos com a medida, desde a sua instalação até a manutenção e os eventuais reparos.

Como nem sempre o serviço será de fácil apreensão para os moradores, principalmente para aqueles que têm menor contato com dispositivos tecnológicos, é aconselhável procurar um representante da empresa que fornece o serviço ou um administrador de unidade vizinha que tenha o equipamento já instalado, para falar de suas experiências de uma forma mais concreta e demonstrativa.

Qual é a situação ideal para adquirir essa tecnologia em seu condomínio?

Para tomar a decisão se deve ou não contratar um serviço de interfone digital, é preciso olhar atentamente alguns pontos, que vão direcionar melhor a questão e orientar a resposta de forma correta. Por exemplo, os condomínios que têm duas ou mais torres que coordenam entradas e saídas terão mais problemas de logística para conectar o serviço em seu cotidiano.

Os prédios que têm, em média, 50 apartamentos são aqueles considerados ideais, pois podem usufruir da portaria remota com grandes ganhos para o síndico e os moradores. Instalando o serviço a um preço muito baixo, o interfone virtual pode diminuir o tumulto de visitantes e fornecedores, trazendo maior tranquilidade para todos.

É recomendável também analisar cuidadosamente o perfil majoritário dos condôminos, para saber se eles conseguirão se adaptar facilmente com os aparelhos digitais essenciais para o pleno funcionamento da portaria virtual.

O que acontece quando há problemas na conexão ou falta de energia na região?

Uma questão levantada muitas vezes quando o interfone ainda não foi implementado é com relação a eventuais problemas na rede de energia e de telecomunicação, querendo saber como isso afeta o sistema de portaria remota.

O interfone virtual deve ser instalado tendo acesso, ao menos, a duas conexões de internet por operadoras diferentes, evitando, desse modo, a interrupção do serviço caso alguma delas venha a falhar. No caso da energia elétrica, o condomínio pode ter sistemas de redundância que são acionados em caso de falhas, garantindo os serviços básicos para o funcionamento da infraestrutura do prédio.

O interfone virtual traz grandes vantagens em termos gerais para toda a comunidade predial. Além do baixo custo de instalação e manutenção oferecido às administradoras, o serviço garante mais segurança, tranquilidade e comodidade para o morador, elevando assim a sua qualidade de vida.

Não deixe de pesquisar a fundo para conhecer todas as funcionalidades que o aparelho de interfone virtual pode oferecer para o seu condomínio. Acompanhe todas as tendências em tecnologia e confira quais são os 7 principais recursos virtuais que administradoras em todo país estão aderindo com grandes resultados!

Share This