mindset data driven

Saiba como cultivar o mindset data driven nos colaboradores!

Determinar os rumos de um negócio com base em decisões estratégicas tomadas apenas pela intuição dos gestores é uma prática que ficou no passado. Quem ainda segue essa linha está seriamente condenado ao fracasso. Em todo empreendimento de sucesso, há uma cultura que prioriza decisões mais precisas por meio de um mindset data driven, ou seja, em dados transformados em insights.

No entanto, para desenvolver a inteligência de negócios nas empresas, é fundamental ter informação e conhecimento suficientes. Além disso, é preciso ter atenção às tendências e investir em boas soluções de integração com o objetivo de segmentar dados, tanto de clientes como de mercado.

Neste conteúdo, abordamos as principais informações acerca do tema, assim como os benefícios de ter uma cultura orientada a dados e boas dicas de como cultivar o mindset data driven nos colaboradores. Continue a leitura e confira!

A importância e as vantagens de ter um mindset data driven na empresa

De acordo com José Gustavo Lemes Pereira, gerente de negócios da Leucotron, a partir da análise inteligente de dados, uma empresa com mindset data driven consegue tomar decisões de maneira mais acertada. Consequentemente, isso personaliza o relacionamento com clientes e parceiros, aumentando as chances de sucesso.

Além disso, criar e implementar a cultura de gerir e consumir os dados disponíveis de forma centralizada e integrada traz vários benefícios para a organização, tais como:

  • busca de dados de forma prática;
  • direcionamento para decisões com mais segurança e acertos;
  • maior capacidade de prever eventos e oportunidades.

Os pré-requisitos para ter um mindset data driven na empresa

Como dissemos, de fato uma gestão data driven se baseia em uma cultura orientada a dados, mas também trata-se de uma combinação de tecnologias, processos e métodos efetivos. Nesse sentido, por meio de um dashboard intuitivo, é essencial integrar dados e garantir o acesso dos colaboradores às informações estratégicas.

Segundo José Gustavo, “exercitar um mindset data driven na organização requer cuidados especiais com algumas ações, tais como:

  • estabelecer o objetivo e as metas; 
  • coletar e armazenar corretamente os dados;
  • promover uma análise sistemática desses dados, o que garantirá o cumprimento das metas traçadas.”

A mentalidade entre os colaboradores e a implementação dessa cultura

José Gustavo Lemes Pereira afirma que “o sucesso da disseminação da cultura do mindset data driven está na capacitação dos líderes e colaboradores, no intuito de otimizar a extração das informações geradas pelas ferramentas e de valorizar dos resultados obtidos com base nos dados.”

Obviamente, além disso, também é necessário contratar profissionais especialistas em dados. Manter uma cultura analítica no negócio não é tarefa fácil, portanto, os cientistas de dados e TIs são peças-chave na execução dos novos processos. A ideia é ajudar os líderes a extrair o melhor das informações e, com o passar do tempo, assegurar revisões de desempenho.

Os principais desafios para implementar esse mindset entre os colaboradores e como superá-los

“O principal desafio para o sucesso da estratégia de orientação por dados é uma mudança de cultura que se demonstra principalmente nas decisões tomadas com base em experiências dos líderes. Além disso, outro entrave é a falta de importância atribuída à coleta e armazenamento de dados.

Para superar tudo isso, é necessário buscar o comprometimento de cada membro da equipe, estruturar o processo por meio de ferramentas inteligentes e expor os resultados obtidos, com foco na construção de uma nova cultura, agora baseada no valor dos dados” — conclui o gerente de negócios da Leucotron.

Os resultados de uma equipe com o mindset data driven

Ainda de acordo com José Gustavo, uma empresa orientada por decisões baseadas em dados consegue prever eventos e oportunidades com mais eficiência, além de entregar mais confiança e autonomia aos envolvidos. Da mesma forma, a gestão passa a ter a possibilidade de calcular o retorno do investimento de forma mais direta.

Atualmente, adequar-se à transformação digital é algo fundamental. No mesmo sentido, as empresas que convertem seus dados em soluções para o negócio conseguem alavancar seu crescimento e estão sempre a alguns passos à frente da concorrência.

O auxílio das ferramentas da Leucotron nesse processo e suas funcionalidades

A Leucotron dispõe de ferramentas que auxiliam na coleta e tratativa dos dados que são a base para a cultura do mindset data driven nas informações das interfaces de comunicação das empresas. A seguir, o gerente de negócios da Leucotron, José Gustavo Lemes Pereira, detalha essas soluções.

Conecta Leucotron

O Conecta Leucotron é um recurso que proporciona a gestão omnichannel dos atendimentos dos principais canais de comunicação do mercado, por meio da organização a fluxo, da otimização dos recursos, assim como da coleta e da facilidade à consulta dos dados.

Flux Leucotron

O Flux Leucotron é um PABX em Nuvem ideal para o atendimento de voz de pequenas empresas até grandes corporações que proporciona o acolhimento de chamadas telefônicas, organização das filas de atendimento ao cliente, menus com triagem automática, além de recursos opcionais como Call Center e gravação.

Dessa forma, os dados coletados pelo Flux podem ser organizados e extraídos para aprimorar a gestão das informações dos atendimentos. É justamente isso o que fortalece uma base para tomadas de decisões mais acertadas.

Os diferenciais da Leucotron no mercado de telecom

A Leucotron oferece um amplo leque de soluções e serviços que envolvem software, hardware, integrações de sistemas, APIs, consultoria e design de interações digitais. São 37 anos auxiliando grandes marcas na transformação dos seus processos e tecnologias de atendimento e relacionamento com o consumidor, além do consequente crescimento dos seus negócios.

Com um histórico de atuação em mais de 140 mil clientes no Brasil, México e Colômbia, a Leucotron tem, entre seus principais, marcas como Magalu, AccorHotels, Rede Graal, Atlantica Hotels, Unimed, Vivo, Claro, Oi, Mazda, Hospital Sírio-Libanês, Cimed, Grupo Petrópolis, entre outros.

Todo esse aprendizado de décadas e uma visão totalmente centrada no consumidor tem fortalecido cada vez mais a crença de que a intersecção entre tecnologia, empatia, dados e processos tem uma capacidade enorme de elevar os resultados dos nossos clientes.

Se você gostou deste post e quer a Leucotron como sua parceira para criar e fortalecer uma cultura de dados amplamente voltada para resultados em sua empresa com o melhor suporte do Brasil, entre em contato conosco agora mesmo!

Quer saber mais sobre atendimento ao cliente e interações digitais?

Receba os melhores conteúdos produzidos para você gratuitamente.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.