IoT e atendimento ao cliente no setor hoteleiro: 8 vantagens
Telefonia

IoT e atendimento ao cliente no setor hoteleiro: 8 vantagens

IoT e atendimento ao cliente no setor hoteleiro: 8 vantagens
Escrito por Leucotron

Com a alta competição gerada por novos modelos de negócio, como Airbnb e HomeAway, o investimento em novas tecnologias se tornou uma necessidade para empresas do setor hoteleiro. Essa prática é usada para otimizar a operação e proposta de valor do negócio — principalmente na área de atendimento ao cliente.

Com perfis cada vez mais conectados, os novos consumidores buscam por serviços de hospedagem que ofereçam os benefícios e facilidades de ambientes digitais — como check-in online, controle de ambiente e reservas feitas por aplicativos. Para isso, é preciso investir numa tecnologia chamada Internet of Things (IoT).

Pensando nisso, apresentamos neste artigo as principais informações sobre a IoT, seus benefícios para o atendimento ao cliente e como essa tecnologia pode ser utilizada no setor hoteleiro. Continua a leitura para conferir!

O que é IoT?

A Internet of Things (IoT) — ou Internet das Coisas, em português — é uma tecnologia voltada para viabilizar a conexão entre objetos e a internet, permitindo sua administração de forma digital. Por meio dela, as empresas podem otimizar sua operação, automatizando processos e oferecendo um atendimento ao cliente mais eficiente.

No setor de hotelaria, seu uso pode ser identificado em hospedagens que oferecem sistemas de controle de ambiente do quarto, como ajuste de temperatura e iluminação, ou enviam mensagens personalizadas para os smartphones dos hóspedes assim que eles entram no lobby.

Quais os benefícios de usar essa tecnologia no atendimento ao cliente?

Além de acompanhar as mudanças do mercado, hotéis e empresas que investem na IoT para otimizar o atendimento ao cliente garantem uma série de benefícios para o negócio. Listamos 8 deles abaixo. Confira!

1. Permite a personalização do atendimento

Ao criar um ambiente inteligente para o hotel, o atendimento ao cliente pode ser totalmente personalizado, baseado em seu perfil e experiência no local.

Isso acontece porque um sistema IoT coleta dados por meio de sensores e os envia para um sistema online, que os analisa e transforma em padrões para os dispositivos conectados.

2. Gera mais segurança para os hóspedes

O uso da IoT para liberar portas e elevadores também oferece mais segurança e comodidade para os hóspedes de hotéis, que podem fazer esse procedimento usando seus smartphones, cartões com sensores ou até mesmo reconhecimento facial — eliminando as tradicionais chaves, que são tão fáceis de perder.

O hotel The Henn-na, no Japão, já adotou essa tecnologia para que as portas de seus quartos sejam abertas com uso de reconhecimento facial e as luzes controladas por comando de voz pelos hóspedes.

3. Cria serviços complementares

Empresas que adotam a IoT para automatizar e digitalizar sua operação têm a possibilidade de ampliar os serviços oferecidos aos clientes, aumentando o valor da experiência prestada. Para isso, é possível oferecer um sistema no qual os hóspedes selecionam uma atividade sem a necessidade de ligar na recepção ou até mesmo estar no hotel.

Um exemplo disso é a possibilidade do hóspede reservar uma massagem para o final do dia, quando retornar ao hotel, ou uma bebida para ser entregue no horário que ele chegar à piscina.

4. Reduz erros e problemas de manutenção

O uso de sensores também permite que a gestão identifique quais elementos do quarto precisam de manutenção preventiva ou corretiva. Isso acontece porque o sistema que recebe os dados consegue reconhecer erros e potenciais problemas, enviando notificações para os gestores.

Neste sentido, a empresa evita que os hóspedes tenham que lidar com objetos quebrados ou com mau funcionamento, evitando assim a necessidade de entrar em contato com a recepção para fazer reclamações.

5. Aumenta a satisfação dos clientes

A possibilidade de realizar check-in, check-out, solicitar serviços e realizar movimentações pelas área do hotel de forma digital, sem a necessidade de suporte ou ajuda de funcionários, promove mais autonomia e, consequentemente satisfação entre os clientes.

Além disso, o aumento da segurança, a personalização da experiência e a eliminação de situações que comprometam a qualidade da hospedagem ajudam a otimizar esse indicador.

6. Promove economia para a empresa

Um ambiente inteligente também promove a economia de recursos para a empresa, por meio do sistema de controle que notifica a necessidade de manutenção preventiva, evitando a danificação e perda de objetos.

Além disso, o controle de iluminação e temperatura pode ser programado para manter padrões de economia, apagando lâmpadas quando os hóspedes não estão no quarto, por exemplo.

7. Aumenta o ticket médio do hotel

Outro benefício de adotar novas tecnologias com a IoT é a possibilidade de melhorar as estratégias de marketing e vendas do hotel, aumentando seu ticket médio. Isso acontece porque o time tem acesso a uma série de informações e insights que resultam das análises dos dados coletados do ambiente inteligente, o que otimiza a tomada de decisão da gestão.

Um exemplo dessa prática é vista no hotel Fointainebleau em Miami, que usou as informações coletadas pelo histórico de vendas e comportamento dos hóspedes para customizar suas ofertas de check-in e check-out em momentos mais estratégicos, aumentando assim suas vendas.

8. Gera vantagem competitiva para o negócio

Por fim, empresas que investem em novas tecnologias para a otimização de sua operação e do atendimento ao cliente, oferecendo serviços personalizados, melhorando a segurança e ampliando a qualidade do serviço em geral, geram mais vantagem competitiva para o hotel, o que permite manter um bom desempenho no mercado.

Como a IoT já é usada no setor hoteleiro?

O uso de novas tecnologias, como a IoT, já é uma realidade no setor de hotelaria. Independentemente do tamanho ou estratégia de mercado, diversos empreendimentos do segmento investem nessa prática para otimizar sua operação e melhorar o atendimento ao cliente.

Além dos exemplos apresentados no decorrer deste texto, outros hotéis que mostram o sucesso dessa prática são o Yotel em Nova York e o Eccleston Square na Inglaterra, que oferecem ambientes tecnológicos e inteligentes para o atendimentos dos hóspedes, como um check-in eletrônico e um sistema de controle de ambiente completo, respectivamente.

Neste sentido, fica evidente que o uso da IoT, assim como o de outras tecnologias, promovem muitos benefícios para qualquer empresa do setor hoteleiro. Para isso, é importante que o investimento seja feito de forma estratégica.

Gostou de saber mais sobre a IoT e como essa tecnologia pode ser usada para otimizar o atendimento ao cliente? Então não deixe de curtir nossa página no Facebook para receber outros conteúdos como este na sua timeline!

Powered by Rock Convert

Deixar comentário.

Share This
LIGAR ONLINE