Gestão de desempenho em TI: 5 formas de implantar
Gestão de Empresas

Gestão de desempenho em TI: 5 formas de implantar

Gestão de desempenho em TI: 5 formas de implantar
Escrito por Leucotron

A potencialização dos resultados do setor de tecnologia exige processos internos ágeis e uma boa performance da equipe. Por esse motivo, cada vez mais empresas procuram implantar a gestão de desempenho em TI com o auxílio das técnicas de Recursos Humanos. A finalidade principal do projeto é a motivação do colaborador.

Pensando na importância desse gerenciamento para a qualidade dos serviços e para o desenvolvimento da organização, elencamos neste post alguns esclarecimentos sobre seu funcionamento e dicas para implantá-lo na instituição. Não deixe de conferir!

O que é a gestão de desempenho em TI?

A gestão de desempenho faz parte do extenso trabalho da equipe de Recursos Humanos e tem por objetivo medir a performance do funcionário para avaliar continuamente sua competência para executar atividades. Além disso, busca orientá-lo em suas funções, auxiliando-o na melhoria da performance e no aumento da obtenção de resultados.

Por meio de indicadores de rentabilidade, capacidade e eficiência, a gestão de desempenho em TI também faz o trabalho de identificação e retenção de talentos. Essa tarefa é importante para a divisão adequada de competências na empresa e, portanto, para o bom aproveitamento de recursos materiais e humanos.

Como implantar essa gestão no departamento de TI?

1. Crie metas e indicadores

Em primeiro lugar é necessário definir quais são os indicadores nos quais você vai se basear para avaliar a performance do funcionário. Afinal, apenas com dados concretos será possível definir metas para aumentar a produtividade e, assim, obter resultados.

Portanto, levante indicadores de desempenho como tempo médio de atendimento, número de tickets abertos e tipos de chamados. Feito isso, alinhe os dados e trace estratégias para que você possa orientar o colaborador de maneira adequada para atingir os propósitos da empresa.

2. Defina prioridades

Diante de qualquer projeto, a equipe de TI deve ter um planejamento sólido que instrua sobre quais são as demandas mais urgentes. Com a gestão de desempenho não é diferente.

Defina metas prioritárias e verifique quais tipos de frente de trabalho vão exigir maior atenção no gerenciamento. Assim, será mais fácil entender por onde e de que forma você deve iniciar as atividades.

3. Estabeleça acordos

Dialogue com seus liderados com frequência (se possível, individualmente) para explicar quais metas e objetivos eles devem perseguir. Com os indicadores levantados, aponte atitudes práticas que eles precisam tomar de acordo com suas respectivas funções ou especialidades.

Mostre também a importância de cada um deles para alcançar os objetivos da empresa e faça com que o colaborador entenda que é peça fundamental para o bom funcionamento do setor. A partir dessa conversa, estabeleça acordos e prazos a serem cumpridos.

4. Monitore o desempenho e recompense os profissionais

Após firmar acordos, monitore o desempenho dos colaboradores por meio de softwares especialistas em gestão e, sempre que notar resultados, recompense a equipe pelo bom trabalho feito.

Da mesma forma, quando perceber que não há melhorias, busque identificar as causas e reorientar as atividades. Assim, será possível manter a equipe motivada e ciente de seus pontos fortes e fracos na administração da TI.

5. Defina papéis e responsabilidades

A partir dos indicadores de desempenho em TI será possível identificar os talentos e os progressos de cada colaborador. Diante desse cenário, é comum perceber a necessidade de redistribuir responsabilidades e papéis dentro do setor.

Nesse cenário, realize um profundo diagnóstico sobre os cargos disponíveis, as respectivas atividades desenvolvidas e até os salários de cada vaga. Após esse procedimento, redefina estrategicamente a divisão de tarefas e de processos, de modo a explorar as potencialidades do grupo de trabalho.

Quais são os benefícios da gestão de desempenho em TI?

Valorização e retenção de talentos

Ter mão de obra qualificada é sempre um desafio para os líderes do setor de TI. Além de um processo de recrutamento criterioso para selecionar bons profissionais, é necessário avaliar em qual cargo cada personalidade explora suas potencialidades ao máximo.

Nesse sentido, a gestão de desempenho permite analisar o rendimento de cada colaborador e, assim, valorizar talentos. Dessa forma, é possível redistribuir tarefas e montar uma equipe alinhada ao trabalho.

Aumento da motivação dos colaboradores

Gestores de TI sabem que é inviável a alta performance no trabalho sem a motivação da equipe pelos líderes. Nesse sentido, a gestão de desempenho em TI permite que o gestor identifique quais são os empecilhos para o bom rendimento do colaborador e elabore estratégias para animá-lo para o trabalho.

Treinamentos corporativos, gratificações e perspectiva de crescimento da carreira são algumas das diretrizes que motivam o funcionário e fazem com que ele contribua para o alcance das metas e dos objetivos da organização.

Aumento de produtividade

O aumento da motivação dos colaboradores e o alinhamento dos processos, uma vez alcançados, desencadeiam a produtividade na empresa. Sendo assim, quase que de maneira espontânea os gestores e empreendedores poderão esperar pela otimização dos resultados.

Nesse sentido, o estabelecimento de metas e a orientação para a equipe, proporcionados pela gestão de desempenho, fazem com que o funcionário compreenda a importância de seu trabalho para o estabelecimento e passe a executar suas atividades de maneira mais ativa. Isso possibilita a redução de custos e desperdícios, além de melhoria no atendimento.

Acompanhamento da evolução da empresa

O levantamento de métricas e de dados que versam sobre o desempenho do colaborador contribui para que, em longo prazo, o gestor consiga verificar os avanços e retrocessos no trabalho — individual e coletivamente. Isso favorece o controle sobre as taxas de sucesso dos projetos realizados e possibilita identificar o que mais estimula o funcionário no trabalho.

Por meio de análises aprofundadas e com base em indicadores levantados dentro da organização é possível saber como guiar o funcionário em suas atividades para elevar a produtividade média da equipe e a qualidade dos serviços. Para tanto, é necessário buscar empresas que oferecem consultoria e que contam com boas tecnologias. Elas podem fornecer soluções específicas que facilitem esse processo e auxiliem na tomada de decisão dos gestores.

Agora que você já sabe como implantar a gestão de desempenho em TI na empresa, que tal completar a leitura conferindo quais são os principais indicadores de desempenho em TI?

Deixar comentário.

Share This