diferença entre epon e gpon

Você sabe a diferença entre epon e gpon? Veja aqui!

Rede Óptica Passiva, ou Passive Optical Network (PON), é uma tecnologia voltada às telecomunicações. Ela permite fornecer estrutura de fibra ótica ao consumidor final, com uma arquitetura ponto-a-multiponto.

Nessa arquitetura, splitters de fibra ótica são utilizados para que um único cabo sirva a vários pontos finais. Dessa maneira, não é preciso implementar cabos individuais entre o hub e o cliente. Além disso, não é preciso haver energia elétrica entre a OLT (concentrador) e as ONTs (terminais) e ONUs (clientes).

Algumas vantagens das redes PON são: velocidade superior na transmissão de dados; escalabilidade da rede; proteção contra interferências eletromagnéticas externas.

Quando falamos em PON, inevitavelmente precisamos abordar sua divisão em dois protocolos distintos: epon e gpon. Aliás, assim como acontece com SIP e VoIP, esse é um assunto que provoca dúvidas até nos profissionais de tecnologia em telecomunicações.

Neste artigo, explicaremos o que esses termos significam e destacar as diferenças entre epon e gpon. Qual deles será que é melhor? Confira!

O que é epon e gpon?

Epon e gpon são protocolos para gerenciar uma rede óptica ponto-multiponto — uma rede PON. Em termos mais simples, são maneiras diferentes de implementar a etapa final de uma rede de telecomunicações PON, em caso de serviços FTTP (Fiber to the Premises).

Ao contrário do que acontece com a tecnologia tradicional, para que uma rede ponto-multiponto funcione, as ONUs e ONTs conversam em TDMA com a OLT. Como elas compartilham a mesma fibra ótica, não podem “falar todas ao mesmo tempo” para que uma não interfira com a outra, certo? E o protocolo, portanto, organiza a troca de dados para que isso não aconteça.

Outros protocolos já estiveram ou ainda estão em uso; é o caso do epon e bpon. Porém, devido ao constante aumento nas demandas por capacidade dos usuários em relação aos provedores de rede, hoje, epon e gpon são as tecnologias mais populares.

Assim, os protocolos epon e gpon apresentam características diferentes e, claro, cada um tem suas vantagens e desvantagens. É isso que você verá no próximo item.

Quais são as diferenças entre epon e gpon?

Características gerais do epon

Epon é a abreviação de Ethernet PON. Hoje, também é chamado de gepon, porque é capaz de entregar uma capacidade na casa dos gigabits; antes, não era assim.

Sua capacidade de banda por fibra é de 1.25Gb downstream (OLT-ONU) e 1.25Gb upstream (ONU-OLT), com 28% de taxa de overhead. Permite colocar até 64 clientes por porta. Alguns especialistas afirmam que seria possível aumentar essa taxa, mas que isso faria o custo do módulo óptico aumentar substancialmente.

Em geral, encontram-se no mercado equipamentos a partir de uma porta, o que é uma vantagem para quem busca comprar um produto de menor capacidade. O sistema é regido pela normatização do IEEE, o órgão que regulamenta as redes Ethernet.

Devido às suas características, a gerência de uma rede epon é mais limitada e não oferece tantas informações sobre ela. Por outro lado, a interoperabilidade do epon — isto é, a possibilidade de integrar produtos de diferentes fabricantes — é alta. Pode-se fazer funcionar uma OLT com a maioria das ONUs.

Características gerais do gpon

Enquanto isso, gpon é a abreviação de Gigabit PON; também é conhecido como G.984. O padrão foi criado em 2003 e já passou por várias expansões e revisões. Comparado ao que veio antes, ele é considerado um protocolo completamente novo, desenhado para dar suporte a múltiplos serviços em seus formatos nativos.

Sua capacidade de banda por fibra é de 2.5Gb downstream (OLT-ONU) e 1.25Gb upstream (ONU-OLT); tem 8% de taxa de overhead. Permite colocar até 128 clientes por porta. Muitas vezes, encontram-se no mercado apenas opções de equipamentos a partir de oito portas; apenas recentemente começaram a surgir equipamentos a partir de quatro portas. A distância máxima que uma rede com protocolo gpon pode suportar é 20km, quando há 16 clientes por porta.

Ele é regido pela normatização do ITU-T. A gerência de uma rede gpon, em geral, é melhor e mais simples, devido em parte à própria robustez da tecnologia mas, também, ao próprio perfil dos fabricantes que optam por trabalhar com esse protocolo.

A interoperabilidade é reduzida. Em alguns casos, não é possível combinar OLTs gpon de um fabricante com ONUs de outro fabricante.

Comparação final do epon e gpon

Existem muitas diferenças entre epon e gpon, incluindo a maneira como tratam fatores como Quality of Service (QoS) ou Operation Administration and Maintenance (OAM). Porém, em termos técnicos, a principal diferença entre epon e gpon é a capacidade real de banda.

De fato, devido à banda menor e overhead maior, o epon deixa menos banda disponível: na prática, resta menos de 1Gb para distribuir na rede. Em média, são 20Mb por cliente de banda alocada. O gpon acaba tendo o dobro de banda a oferecer.

No entanto, isso não significa que o gpon será sempre ser a melhor escolha. Ele é mais indicado para grandes operações. Apesar de o epon parecer menos robusto, ele pode ser considerado uma opção mais acessível, tanto pelo custo mais baixo quanto pelo fato de haver mais opções no mercado com menos portas. Por isso, especialmente para casos em que a operação ainda está no início, o custo-beneficio do epon é mais atrativo.

Conclusão? Embora seja possível ver a diferença entre epon e gpon, um não é necessariamente melhor do que o outro. Eles apenas são indicados em situações diferentes. Para finalizar, um lembrete importante! Como epon e gpon são regidos por normas diferentes, eles não podem ser mesclados em uma mesma rede. Ou seja, infelizmente, não é possível tentar combinar os pontos fortes de cada um em uma única solução (pelo menos, por enquanto).

Neste post, você aprendeu mais sobre PON, e entendeu as diferenças entre epon e gpon. Porém, o tema das redes de telecomunicações e, claro, das redes que utilizam fibra ótica, tem muitas outras questões a explorar. Então, se você quer saber mais sobre arquitetura de redes e infraestrutura de TI, não se esqueça de assinar a newsletter da Leucotron e acompanhe nossos conteúdos exclusivos!

Quer saber mais sobre o mundo da telefonia?

Receba os melhores conteúdos produzidos para você gratuitamente.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Share This