Por que seu condomínio precisa de uma chipeira?
Gestão de Empresas

Por que seu condomínio precisa de uma chipeira?

Escrito por Leucotron

Também conhecida como gateway GSM e GoIP (GSM over IP), a chipeira é uma ferramenta que cai como luva para as necessidades de condomínios inteligentes que buscam reduzir seus custos com ligações telefônicas. Isso porque o equipamento permite a conversão de tecnologias, conectando redes IP, digitais e analógicas com as GSM de telefonia celular. Na chipeira, que suporta até 32 chips, os SIM cards são conectados.

Os condomínios, que geralmente têm alto volume de ligações, podem usar tal recurso como grande aliado. Procurando as rotas de menor custo para cada ligação, a chipeira opta pela chamada da operadora de telefonia mais barata no momento. Quer entender melhor como funciona e como se beneficiar? Veja por que seu condomínio precisa de uma chipeira para economizar na conta telefônica!

Como funciona uma chipeira?

Ao instalar uma chipeira, cada ligação realizada no condomínio para um celular tem a detecção da operadora do número a ser discado. A partir daí, a ferramenta direciona a chamada para o chip da mesma empresa de telefonia.

Ao ligar para um número da operadora Vivo, por exemplo, a chipeira usa o chip da mesma empresa. Assim, economiza na chamada, que pode sair até a custo zero.

Isso sem falar que a tecnologia aproveita as promoções que cada operadora de telefonia celular disponibiliza no mercado.

O gestor do condomínio pode criar, por exemplo, um banco de dados segmentado por operadoras, como Vivo, Tim, Oi e Claro. Pode também fazer um controle dos minutos por chip. Se houver contrato de pacotes de minutos, o bloqueio acontece de maneira automática quando o tempo limite acabar.

Quais as diferenças entre gateway e gateway GSM?

A chipeira é o nome popular para gateway GSM. Mas quais são as principais diferenças entre esse modelo e o gateway comum?

Ambas as ferramentas têm como função primordial conectar 2 redes diferentes. Enquanto o gateway de rede é responsável por fazer com que a rede local do condomínio acesse informações na internet, o modelo GSM faz a conexão entre a rede local e as redes de telefonia celular.

A chipeira integra toda a estrutura de telefonia do condomínio com as redes das operadoras de telefonia móvel GSM. Na prática, isso quer dizer que todas as chamadas recebidas e realizadas por meio da estrutura de telefonia do condomínio serão, a partir da instalação do gateway GSM, integradas às linhas móveis, usufruindo das vantagens desse tipo de tecnologia.

Por que a interface celular para condomínio vale a pena?

Apostar no uso da tecnologia do gateway GSM no seu condomínio reserva diversos benefícios para o gestor e seus moradores. Confira alguns deles agora mesmo!

Redução de custos

Uma das principais vantagens de adotar uma chipeira no seu condomínio é a economia que o uso da tecnologia traz para as contas. Os custos nas operações com PABX são reduzidos, uma vez que é possível diferenciar se a chamada será feita para telefone fixo ou celular. A partir disso, pode-se escolher de forma automática qual linha será usada (canais GSM ou fixos).

Em seguida, a operadora é reconhecida e, com base nessa informação, a rota de menor custo é identificada para dar continuidade à ligação.

Simplicidade nos processos

O advento da tecnologia GSM gerou mais agilidade no setor de tecnologia celular. Se antes seria preciso que as operadoras interferissem caso fossem necessárias alterações de equipamentos e números, hoje em dia isso não é mais necessário.

O uso de SIM cards tornou todos os processos mais simples. Em poucos minutos, pode-se alterar as linhas habilitadas, bastando trocar os chips instalados no gateway GSM ou alternar entre o SIM card ativo para outro em modo de espera quando a chipeira usada oferece esse recurso.

Portabilidade numérica

Outro benefício de adotar uma chipeira no seu condomínio é que é fácil trocar os celulares sem necessariamente se desfazer das linhas. Com isso, o cliente tem mobilidade na troca de equipamento e operadores, pois pode levar com ele sua linha celular original. Esse é um ponto importante, pois assegura mais produtividade a um custo menor.

Quais os recursos oferecidos pela chipeira?

Na dúvida se vale a pena investir em uma chipeira para melhorar a gestão do condomínio? Então conheça já alguns dos principais recursos que o equipamento pode ter e que certamente farão toda a diferença na agilidade das ligações e redução de custos:

  • identificação e temporização de chamadas;
  • ajuste de volume;
  • callback para 600 números;
  • inversão de polaridade;
  • programação via PC/USB;
  • tabela de permissão e restrição de chamadas;
  • limpeza de programação;
  • recuperação de senha.

Quais são os tipos de chipeira existentes?

Agora que você conheceu algumas maiores vantagens de apostar nas chipeiras para seu condomínio, é importante saber também quais são os tipos de gateways GSM disponíveis para escolher o modelo mais adequado para suas necessidades. Veja:

  • VoIP, em que as ligações são encaminhadas por meio de conexões IP, característica que possibilita a ligação direta do IPPBX;
  • analógicas, que têm portas FXO (Foreign Exchange Office), interface que recebe sinal da operadora ou de um PABX;
  • digitais, que têm portas para conexão simultânea de até determinado número de canais de central PABX.

Investir em interface celular para condomínio é garantia de redução de custos nas chamadas e de maior eficiência nas ligações realizadas. Ao apostar na adoção de uma chipeira, você diminui de forma considerável o custo que tem com telecomunicações mensalmente. Além disso, o retorno do investimento chega rápido: em pouco mais de um mês, já é possível conferir os resultados no orçamento do condomínio.

Para não errar na escolha do seu gateway GSM, tenha em mente que são diversos os modelos disponíveis no mercado. Dê preferência para aqueles que ofereçam suporte à portabilidade numérica, que acessem em tempo real o banco de dados, digam a origem da operadora do número a ser chamado e, a partir dessa informação, selecionem o chip da mesma empresa para reduzir o custo da ligação.

É essencial, ainda, escolher uma fornecedora de qualidade para ter certeza de que terá todo o suporte de que precisa na escolha da chipeira do seu condomínio. Busque uma parceira de tradição, que ofereça tecnologias alinhadas às principais tendências do mercado.

Outro ponto avaliado é se a fornecedora oferece soluções adaptadas ao seu segmento de atuação — no caso, condomínios. Dessa forma, você se certifica de que contratará a ferramenta mais adequada para suas demandas.

Por fim, se quer mais informações sobre chipeira, entre em contato com a Leucotron agora mesmo!

Deixar comentário.

Share This