O que é a psicologia do consumidor e qual a importância disso?
Gestão de Empresas

O que é a psicologia do consumidor e qual a importância disso?

Escrito por Leucotron

Você já deve ter ouvido muitas vezes a pergunta: “O que a sua empresa faz”? Provavelmente as respostas foram “Vendemos o produto X” ou “Prestamos o serviço Y”. No entanto, essa é uma perspectiva que foca em apenas uma ponta do processo: o próprio negócio. O sucesso depende em grande parte de como o público-alvo enxerga a organização e ainda da percepção que esse grupo tem do valor de sua oferta. Por isso, para alcançar um resultado positivo, é fundamental conhecer e aplicar a psicologia do consumidor.

Ficou interessado? Então, continue a leitura deste post. Vamos explicar esse conceito, falar sobre a importância desse conhecimento e apresentar algumas dicas para aplicá-lo em seu negócio. Confira!

O que é a psicologia do consumidor?

Trata-se de uma área de conhecimento que se dedica a investigar o comportamento dos compradores. Ela usa essas informações para entender quais são os fatores que influenciam a decisão do consumidor e o que o leva a escolher um fornecedor específico de determinado produto ou serviço.

Qual é a importância de conhecer a psicologia do consumidor?

Nenhuma empresa alcança o sucesso sem conquistar o consumidor. Aliás, gasta-se todo ano uma verdadeira fortuna em marketing e propaganda justamente para alcançar esse objetivo.

Conhecer a mente do público-alvo é essencial para otimizar esse investimento e proporcionar um retorno adequado, que possibilite o crescimento do negócio. Os conhecimentos nessa área proporcionam vários benefícios ao negócio. Saiba quais são os principais nos próximos tópicos.

Aumento das vendas

As pessoas não compram produtos e serviços. Elas fazem aquisições para satisfazer suas próprias necessidades.

A empresa que conhece o público-alvo tem maiores chances de oferecer algo que atenda plenamente as expectativas de seus potenciais compradores. A consequência é o aumento das vendas. Portanto, a psicologia do consumidor pode contribuir muito para o sucesso de um negócio.

Satisfação do cliente

Nos dias de hoje as empresas não querem apenas atrair consumidores. Elas já entenderam que essa ação exige um alto investimento e, para não perdê-lo, é fundamental fidelizar o cliente. Para isso, é necessário conhecer suas expectativas quanto aos produtos e ao atendimento para aperfeiçoar a experiência com o seu negócio. Esse é o caminho para satisfazê-los e estabelecer uma relação comercial recorrente.

Conquista de defensores da marca

Clientes satisfeitos não só retornam à empresa, mas também são responsáveis pela propaganda boca a boca e por trazer outros consumidores.

Eles se tornam defensores da marca, e em tempos de redes sociais isso pode ser potencializado. Assim, o negócio lucra de diversas formas. Em primeiro lugar, sua imagem melhora diante do público e o retorno do investimento em publicidade se torna ainda mais significativo, já que traz vários compradores em cadeia.

Melhoria nos indicadores de performance

Quem atua no mercado sabe que não basta ter uma percepção subjetiva de sucesso. Ele precisa ser medido por meio de indicadores e aprimorado de forma constante.

A aplicação da psicologia de consumidor ajuda a melhorar esses índices. Um deles é o CAC (Custo de Aquisição do Cliente). Como já vimos, se a empresa aumenta sua base por meio de indicações, isso significa que ela precisa gastar cada vez menos com estratégias e ferramentas para captar consumidores. Dessa forma, também aumenta o retorno sobre investimentos (ROI) em marketing.

Outro indicador que tem uma melhoria importante é o LTV (Lifetime Value). Ou seja, se a empresa consegue fidelizar o cliente e ele retorna, aos poucos ela tem um aumento no valor que cada um deles consome nessa relação comercial. Vale destacar ainda o NPS (Net Promotion Score), um indicativo de quanto o consumidor está propenso a recomendar o negócio aos seus conhecidos. A empresa só tem a ganhar!

Como usar a psicologia do consumidor para promover o sucesso do negócio?

Esses benefícios são sempre desejados por empresários, comerciantes e demais empreendedores. Por isso, provavelmente você deve estar interessado em saber como o que a psicologia do consumidor contribui para o entendimento e implementação de mudanças para obter bons resultados. Selecionamos algumas dicas que podem ser úteis. Continue a leitura para conhecê-las!

Defina os fatores de influência

A psicologia do consumidor mostra quais são os fatores que levam um consumidor à compra ou inibem essa decisão, fazendo-o desistir do negócio. Quando a empresa tem conhecimento dessas razões, consegue aprimorar seus processos para criar gatilhos mentais que induzem a uma escolha favorável. Além disso, tem condições de desenvolver argumentos para abordar o potencial comprador e mostrar de que forma seu produto soluciona suas dores e atende as expectativas.

Preveja tendências

O consumidor segue algumas tendências. Ainda mais em um mundo VICA (Volátil, Inconstante, Complexo e Ambíguo). Ou seja, o que é essencial hoje pode se tornar obsoleto amanhã.

Por isso, grande parte do sucesso dessas organizações consiste na possibilidade de prever as tendências e de se preparar para oferecer o que as pessoas querem. Isso é possível ao acompanhar o comportamento do consumidor, o que coloca um negócio em posição de destaque no mercado.

Monitore o posicionamento da marca

Seu público enxerga em sua empresa os diferenciais que valem o voto de confiança? Se isso não acontece, ou seja, se ele entende que seus produtos, serviços e atendimento ao cliente têm exatamente a mesma qualidade que a de seus concorrentes, ele não tem motivos para preferir seu negócio. A psicologia do consumidor permite que você monitore essa percepção e crie ações adequadas para alterá-la, conquistando um papel de destaque e provocando o desejo de seu público-alvo.

Identifique os canais mais eficazes

Um dos fatores determinantes para uma percepção positiva de um negócio é a oferta de diferentes canais de atendimento. Ao conhecer o comportamento típico de seus consumidores, a empresa investe no canal preferido de seu público, facilitando o contato e interação com a marca.

Promova uma conexão

Quando a empresa se conecta de verdade com o cliente, tem a chance de promover uma identificação com a marca, uma conexão real com seu público-alvo. Isso pode acontecer por meio de princípios compartilhados com o segmento a ser atingido, com uma causa que ambos apoiam ou devido à proposta de valor que ela se propõe a oferecer.

Quando isso acontece, o comportamento do consumidor é muito interessante. Ele desenvolve um relacionamento com a marca e se sente representado de alguma forma. Em outros casos, o comprador associa a aquisição a uma maneira de investir na própria felicidade, o que ultrapassa aquela noção primária de comprar apenas para satisfazer desejos ou necessidades.

Finalmente, a psicologia do consumidor mostra o caminho para o gestor que deseja conquistar o coração e a preferência do público. Essa conexão é fundamental para potencializar as ações de marketing, reduzir o custo de captação de clientes, promover a fidelização e alavancar o sucesso da organização.

Gostou do post? Conheça também algumas fintechs brasileiras e o que elas podem oferecer ao consumidor!

Deixar comentário.

Share This